Homem morre após disparar acidentalmente contra o próprio peito em Marituba

Por Alexandre Meireles 09/06/2021 - 11:26 hs

David Barroso Amaral, de 32 anos, morreu após fazer um disparo acidental contra o próprio peito em Marituba, na Grande Belém. O caso ocorreu na manhã desta quarta-feira (9) e chocou moradores da ocupação Riacho Doce, na rua Raul Aguilera. Segundo uma testemunha que preferiu não se identificar, a vítima se preparava para ir trabalhar, quando foi manusear a arma de fogo pelo cano e o gatilho foi acionado.

David Barroso Amaral, de 32 anos, morreu após fazer um disparo acidental contra o próprio peito em Marituba, na Grande Belém. O caso ocorreu na manhã desta quarta-feira (9) e chocou moradores da ocupação Riacho Doce, na rua Raul Aguilera. Segundo uma testemunha que preferiu não se identificar, a vítima se preparava para ir trabalhar, quando foi manusear a arma de fogo pelo cano e o gatilho foi acionado.

"Eles estavam fazendo café de manhã e aí ele se arrumou pra ir trabalhar e foi pegar a arma, do lado do fogão. Ele foi pegar pelo bico e quando ele trouxe, acredito que o gatilho encostou em algum lugar e disparou no peito dele", relatou. A vítima não resistiu ao ferimento no tórax e morreu no local. Não há informações se David possuía porte de arma ou qual a ocupação profissional dele. 

A área foi isolada pela Polícia Militar até a chegada de uma equipe da Polícia Civil e de peritos do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves (CPCRC). O corpo será removido pelo Instituto Médico Legal (IML).

Fonte: DOL